Menu

Introdução

Definição

Nódulo ou pequena massa que aparece na parte da frente do meio do pescoço.

Quisto do canal tireoglosso

Frequência

Entre os 2 e os 10 anos (pode aparecer no adulto)

Causa

Anomalia de desenvolvimento de um “tubo” que existe durante a vida intra-uterina, que vai da base da língua até à glândula tiroideia. Quando não é reabsorvido até ao fim da gravidez, o canal pode vir a transformar-se num quisto, infectar e drenar muco e pus.

Sinais e sintomas

Aparecimento de uma massa na parte da frente (no meio) do pescoço, mole, indolor, podendo eventualmente aumentar e diminuir de volume. O quisto pode infectar, aumentando subitamente de tamanho: a pele que o recobre torna-se quente, dura e dolorosa; se a infecção persistir, o quisto pode drenar espontaneamente um líquido mucopurulento. 

Quisto do canal tireoglosso

O que fazer

Deve consultar um profissional de saúde, para observação e orientação.

Não é uma situação de urgência.

Tratamento

O tratamento do quisto não infectado é cirúrgico, e consiste na sua remoção, a realizar sob anestesia geral.

Se houver infecção pré-operatória, deve ser medicada com antibióticos, embora nem sempre seja possível controlar a drenagem espontânea do líquido mucopurulento.

Evolução / Prognóstico

Após a extracção do quisto, a criança vai retomar a sua vida normal numa semana.

O prognóstico é bom, bom, a cirurgia é curativa.

As informações da Pedipedia não substituem nem devem adiar a consulta pessoal com um profissional de saúde qualificado.

Mais informações.

Deseja sugerir alguma alteração para este artigo?
Existe algum tema que queira ver na Pedipedia?

Envie as suas sugestões

Newsletter

Receba notícias da Pedipedia no seu e-mail